Exercícios  Ortopedoxizantes se tornam líricos.   Fazem de ações corriqueiras performances com a presença de flores brancas. Fotografias despretenciosas apontam situações que também se  desenvolvem com palavras em torno do que acontece num corpo feminino, mostrando as oscilações entre o trabalho doméstico e a vida acadêmica de professoras que fazem arte. São muitas coisas escritas em versos junto a imagens que registram  trânsitos entre o mundo acadêmico e o universo privado de uma casa com pessoas que exigem cuidados. Os versos trazem paradoxos plásticos e visuais que envolvem a presença de flores brancas,  de diversas espécies e tamanhos, para combater o que é prescrito sobre a mulher.